Secretária da Saúde de Palmas morre, de Covid, aos 58 anos. Era goiana de Santa Helena

Internada por 18 dias numa UTI de capital do Tocantins, Valéria Paranaguá teve duas paradas cardiorrespiratórias

A secretária da Saúde de Palmas, Valéria Paranaguá, de 58 anos, morreu na quinta-feira, 18, de complicações derivadas da Covid-19. A auxiliar da prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) teve duas paradas cardiorrespiratórias. Estava internada na UTI do Instituto Ortopédico de Palmas havia 18 dias.

Valéria Paranaguá: morte aos 58 anos | Foto: Instagram

Nas redes sociais, a prefeita Cinthia Ribeiro escreveu: “Tudo dói tanto! Perdemos a nossa querida secretária de saúde, Valéria Paranaguá. Estou sem chão, perdi um braço forte, uma amiga leal. Uma aliada de primeiríssima hora que se colocou em risco, na linha de frente, para salvar tantas vidas. Palmas, o TO e o SUS estão em luto”.

Nascida em Santa Helena de Goiás, Valéria Paranaguá e sua família trocaram o Estado-irmão pelo Tocantins (a cidade de Araguaína) quando ela tinha 12 anos. Era formada em Serviço Social e mestre em Saúde Pública-Epidemiologia pelo Instituto Superior de Ciências Médicas de La Havana, em Cuba. Era apontada pelos auxiliares como “altamente capacitada” e uma “servidora pública por excelência”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.