Ronaldo Caiado não conseguiu nenhum grande partido da base aliada para sua chapa majoritária

Depois de flerte com os grandes partidos da base governista, o senador do DEM teve de se contentar com o PRP e com o Pros

O pré-candidato do DEM a governador de Goiás, Ronaldo Caiado, trabalhou intensamente para conseguir o apoio de um grande partido da base governista para compor a chapa majoritária. Tricotou com o PSD de Vilmar Rocha, comeu caviar com o PSB da Lúcia Vânia, dialogou com o PRB de João Campos e Gilvan Máximo, chegou a flertar com o PP de Alexandre Baldy e Roberto Balestra e levou flores para o PTB de Jovair Arantes. Entretanto, não conseguiu o apoio de nenhum deles — pelo menos até agora. Teve de se contentar com o PRP do vereador Jorge Kajuru e o PROS de Eurípedes Júnior e Lincoln Tejota. O PRP, por final, vai para o pleito dividido. Kajuru fica com Caiado, mas Jorcelino Braga, o presidente regional do partido, apoia Daniel Vilela.

O Pros não tem nenhum deputado federal e Lincoln Tejota foi eleito deputado estadual pelo PSD. O PRP não tem nenhum deputado federal e só elegeu um deputado estadual. Em Goiás, pelo menos, são nanopartidos.

Deixe um comentário