Repulsa à desconfiguração das dez medidas anticorrupção

“O que se buscava era a punição dos corruptos e a recuperação do dinheiro da população, mas a grande maioria dos Deputados preferiu punir Juízes e Promotores”

munch-o-grito-12

O MINISTÉRIO PÚBLICO DEMOCRÁTICO, diante do resultado da votação das Dez Medidas, nesta madrugada, pela Câmara dos Deputados, vem a público manifestar a VEEMENTE REPULSA a completa desfiguração do projeto de combate à corrupção, que se transformou em projeto de destruição do Ministério Público e da Magistratura nacionais, exatamente, no momento, em que se buscava construir uma Justiça igual para todos.

O que se buscava era a punição dos corruptos e a recuperação do dinheiro da população, mas a grande maioria dos Deputados preferiu punir Juízes e Promotores. Da proposta original, subscrita por mais de dois milhões de cidadãos, quase nada resta, foi transformada num PASSE LIVRE PARA CORRUPTOS, que não serão mais punidos e sequer terão de devolver o dinheiro subtraído dos cofres públicos. É estarrecedor!

Necessário registrar que houve 132 Deputados que votaram com a população, mas não foi suficiente; mais de 300 escolheram defender seus próprios interesses. O projeto, ainda, irá para votação no Senado. Esperamos que as demais Instituições da República, cientes de sua responsabilidade, ATENDAM aos verdadeiros anseios sociais de uma pátria mais JUSTA e LIVRE da pandemia DA CORRUPÇÃO. A mobilização de todos os cidadãos CONTINUA ESSENCIAL para construirmos, juntos, um Brasil, onde se possa viver com dignidade.

Diretoria

MPD – Movimento do Ministério Público Democrático

Deixe um comentário