A cúpula nacional do PT não gostou de saber que o PT elegeu quatro vereadores e, devido à incapacidade de agregar do prefeito Paulo Garcia, perdeu três — Djalma Araújo (foi para o Solidariedade), Tayrone di Martino e Felisberto Tavares. Só Carlos Soares, embora crítico do petista-chefe, o apoia.