Os auxiliares do primeiro escalão do governo de Marconi Perillo admitem que a secretária da Fazenda, Ana Carla Abrão, é polida mas não dá muita importância ao que dizem e sugerem.