Podemos entra no páreo pra conquistar o passe político do deputado Professor Alcides

PSD, PL e MDB também lutam para filiar o parlamentar. Parece que só o PP “rejeita” o líder de Aparecida de Goiânia

Professor Alcides Ribeiro: disputado por vários partidos | Foto: Divulgação

Parece que só o partido Progressistas, liderado em Goiás pelo ex-ministro Alexandre Baldy, não está disputando o passe do deputado federal Professor Alcides Ribeiro.

Embora eleito pelo PP, Professor Alcides é tido como persona non grata pela cúpula do partido em Goiás. Porque teria ido ao presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, pedir para assumir o comando partidário em Goiás — tentando atropelar Alexandre Baldy.. Teria recebido um “não” gigante, segundo uma fonte do PP.

Como o PP não quer Professor Alcides, e como o deputado não quer o PP, outros partidos lutam — com unhas, dentes e promessas — pelo seu passe.

O MDB, que não tem nenhum deputado federal, trabalha para filiar Professor Alcides. O prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, que o apoiou em 2018, já fez o convite e apresentou a ficha de filiação.

O PL da deputada Magda Mofatto e de Valdemar Costa Neto está no pé de Professor Alcides há meses.

O PSD de Vilmar Rocha fez um convite formal ao Professor Alcides, que ficou de estudar suas possibilidades eleitorais no partido. Porque não quer servir de “instrumento” para eleger o deputado federal Francisco Júnior.

O Podemos entrou forte no páreo para conquistar o passe político de Professor Alcides. Se as coligações partidárias não forem retomadas, e se o Distritão não for aprovado, o deputado federal José Nelto, presidente do Podemos em Goiás, já avisou que não fica no partido. Ele deverá se filiar ao partido Democratas. Com o parlamentar fora, Professor Alcides pode assumir o comando do Podemos em Goiás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.