Podemos desiste de Federação com União Brasil, mas mantém diálogo sobre aliança pra presidente

O Podemos quer o apoio do União Brasil para o pré-candidato Sergio Moro, mas optou por não se federar para o pleito de 2022

Julian Lemos, Luciano Bivar, Sergio Moro e Renata Abreu | Foto: Divulgação

Numa reunião nacional, na quinta-feira, 20, o Podemos desistiu da federação partidária com o União Brasil.

A tese dominante do Podemos é que, em alguns Estados, a federação prejudica alguns candidatos a governador. Por exemplo, no Tocantins, onde o engenheiro Ronaldo Dimas, do Podemos, é o favorito para o governo.

O Podemos, presidido pela deputada federal Renata Abreu, mantém, porém, as conversações com os líderes do DEM e do PSL (os dois partidos que, juntos, se tornarão, em breve, o União Brasil) a respeito da candidatura do ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro à Presidência da República.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.