O Popular, ao contrário dos jornais de Brasília e São Paulo, não acompanha ações de Marconi

Jornais de Brasília, de São Paulo e do Rio de Janeiro ligam com frequência para a assessoria do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), para atualizar sua agenda tanto administrativa quanto política. Ele é visto, fora da redação de “O Popular”, como um político nacional.

“O Popular”, que fica em Goiânia — mas, se disserem que fica na Lua, ninguém discordará —, não tem nem mesmo setorista para cobrir as ações do tucano-chefe. Mesmo assim, o jornal do Grupo Câmara, seus editores, acredita que equivale ao jornal “Correio Braziliense”. Não é à toa que, para ganhar prêmios nacionais e internacionais, Vinicius Sassine teve de pedir demissão de “O Popular”.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

lucio teles

impressionante o quanto vcs desse jornal opçao sao tendenciosos!!