O empresário Carlos Mayer pode ser o grande rival do médico Geraldo Santana em Silvânia

O presidente da Câmara, Pastor Genilton, do PSC, e Dione Naves também estão na disputa pela prefeitura

Carlos Mayer: pré-candidato a prefeito de Silvânia | Foto: Facebook

Silvânia, cidade histórica de Goiás, enfrenta uma crise política. Acusado de improbidade administrativa, o prefeito José Faleiro foi afastado e assumiu o vice, Pedro Henrique Caixeta, o Kika. O prefeito interino é apontado como “sério”, mas sem experiência administrativa. Os aliados do prefeito afastado apostam na sua “volta”.

Enquanto a cidade comenta o afastamento do prefeito, os políticos articulam a sua sucessão. Quatro nomes estão no páreo: o médico Geraldo Santana (PP) — apontado como “favorito” —, o empresário Carlos Mayer (DEM), o Pastor Genilton Jorge de Carvalho (PSC) e Dione Naves (MDB).

Há um “drummond” no caminho de Geraldo Santana, embora apontado como “favorito”. Falta-lhe estrutura política. Poucos candidatos a vereador o apoiam. Mas o médico é popular.

Governador Ronaldo Caiado, Léo Vitor e Carlos Mayer | Foto: Facebook

Carlos Mayer, além do apoio do governador Ronaldo Caiado, conta com chapas de candidatos (mais de 50) a vereador com alto potencial de voto. Ele diz que conta com o apoio de sete vereadores.

Pastor Genilton é bancado pelo presidente regional do PSC, Eurípedes José do Carmo, e pelo senador Luiz Carlos do Carmo, do MDB. Ele é o presidente da Câmara municipal.

Há quem acredite que Pastor Genilton será vice de Carlos Mayer, porque, somadas suas forças, teriam condições de derrotar Geraldo Santana. A questão é convencer o vereador a ser vice. Um aliado pergunta: e por que não o Carlos Mayer ser o vice de Pastor Genilton?

O quarto candidato, Dione Naves, é filiado ao MDB e é filho da ex-prefeita Gilda Naves. Dione se apresenta como o “verdadeiro” candidato de oposição. Na opinião de seus aliados, tanto Geraldo Santana quanto Carlos Mayer e Pastor Genilton pertencem ao grupo político liderado pelo prefeito afastado José Faleiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.