Não adianta pressionar: é Marconi quem define a chapa majoritária

ronaldo caiado bastidores

O governador Marconi Perillo (PSDB) é pragmático. Em 2002, o presidente FHC deu a palavra a Henrique Meirelles de que seria o candidato tucano a senador. Marconi, que conhece a realidade local, convenceu FHC de que para a chapa era melhor contar com Lúcia Vânia. O goiano elegeu a chapa completa.

Em 2010, integrantes do PSDB e alguns de seu círculo mais próximo repugnavam a aliança com o DEM, que criticava Mar­coni. O senador foi prático: como precisava dos democratas, deu a eles a vice e a vaga de senador. Elegeu todos.

Neste ano, alguns aliados do governador não querem Ronaldo Caiado na chapa como candidato a senador. A Verus mostra Caiado com 38,8%. Antônio Gomide tem 19,6%. No Serpes, Caiado perde apenas para Iris. Muitos opinam. Mas é Marconi quem decide a chapa. Não adianta pressionar.

Uma resposta para “Não adianta pressionar: é Marconi quem define a chapa majoritária”

  1. Avatar Mario Borges disse:

    Parece-me que Ele foi colocado para fora da empresa Friboi , fala muita bobagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.