Marina Sant’Anna pode ser candidata a senadora numa possível chapa pura do prefeito Antônio Gomide

Marina Sant’Anna, em caso de chapa pura, a  ex-deputada federal do PT pode figurar na  chapa majoritária

Marina Sant’Anna, em caso de chapa pura, a
ex-deputada federal do PT pode figurar na
chapa majoritária

O petista Antônio Gomide é um instrumento do PMDB irista para tentar retirar Júnior Friboi do páreo? O prefeito de A­nápolis rejeita a tese e reafirma que vai disputar o governo de Goiás este ano.

Ao mesmo tempo que refuta a ideia de que é uma “peça irista”, Gomide articula a montagem de sua chapa majoritária. O vice dos sonhos do petista anapolino é o ex-reitor da Universidade Federal de Goiás Edward Madureira Brasil, hoje pré-candidato a deputado federal pelo PT. Além de ser de Goiânia, Madureira atrai para Gomide a “força” da UFG. O engenheiro agrônomo pode “le­var” o prefeito Paulo Garcia para a campanha. Embora não seja da Articulação, tem a simpatia do líder do paulo-petismo.

Ligada à tendência comandada pelo ex-prefeito de Goiânia Pedro Wilson, Marina Sant’Anna, que desistiu de disputar mandato de deputada federal para apoiar o aliado Olavo Noleto, é cotada para o Senado. Simpática, com forte presença em Goiânia, Marina é um nome forte.

Deixe um comentário