Marconi Perillo planeja disputar a Presidência da República e seu adversário deve ser Lula da Silva

Marconi Perillo e Eduardo Machado: o segundo, presidente do PHS, articula para o primeiro disputar a Presidência da República

Marconi Perillo e Eduardo Machado: o segundo, presidente do PHS, articula para o primeiro disputar a Presidência da República

O tucanato nacional começa a perceber que é preciso alargar o olhar para terras distantes da política do café com leite — São Paulo e Minas Gerais — e por isso está observando com atenção a desenvoltura do governador de Goiás, Marconi Perillo. O tucano-chefe goiano, se reeleito, pretende abrir fronteiras e disputar a Presidência da República, possivelmente enfrentando Lula da Silva, do PT, em 2018. Isto, é claro, se Aécio Neves perder espaço no plano federal.

A cúpula nacional do PSDB avalia que Marconi tem discurso, gestão de qualidade para exibir para o País — tucanos de vários Estados estão de olho no Centro de Reabilitação e Readaptação e nos centros de recuperação de dependentes químicos (Credeqs), que, se funcionarem bem, deverão se tornar referência nacional, assim como o Crer já é — e agressividade necessários para disputar a Presidência.

O presidente do PHS nacional, o goiano Eduardo Machado, afirma que já conversou a respeito com Mar­coni. “Se reeleito, terá, em 2018, governado Goiás por quatro mandatos, um fato único na história do Estado. Por isso convém arriscar pôr um pé na política nacional. Marconi tem cacife. Em 2018, aos 55 anos, amadurecido mas ainda jovem, será o nome apropriado, por ser um gestor competente — respeitado pela presidente Dilma Rousseff, por exemplo —, para a disputa da Presidência. Uma coisa é certa: o jovem tucano não teme desafios.”

Eduardo Machado, que circula por todo o País como líder máximo do PHS, afirma que vai participar diretamente da articulação para projetar Marconi nacionalmente. “Es­tou empolgado e acredito que o projeto do tucano goiano é viável. Marconi é visto, em todo o País, como um político diferenciado, como o gestor que, mesmo com recursos escassos, é criativo e que consegue ‘tirar’ as ideias do papel e construir as obras.”

2 respostas para “Marconi Perillo planeja disputar a Presidência da República e seu adversário deve ser Lula da Silva”

  1. Antonio Alves disse:

    Desejo boa sorte ao governador porque ele vai precisar muito. Contando com o governador Aécio Neves, Serra, por duas vezes e, o governador de São Paulo, uma; Ele levará a 5ª taca do PT.

  2. Olivier Santine Novaes disse:

    este ai nao e o aecio.. este sim e candidato com experiencia em projetos e atuação firme no que se diz respeito a governabilidade..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.