Marconi Perillo apoia o impeachment: 13 deputados federais e 2 senadores defendem a saída de Dilma

A base do governador de Goiás está empenhada em retirar a petista do poder, por intermédio do impedimento, que é legal e legítimo

Marconi Perillo com Michel Temer

Se alguém tem dúvida sobre a posição do governador de Goiás, Marconi Perillo, do PSDB, a respeito do impeachment da presidente Dilma Rousseff, é só observar a posição de 13 deputados federais dos partidos que compõem a base aliada do governo do Estado e dos dois senadores ligados a ele.

Todos são favoráveis ao afastamento da presidente Dilma Rousseff, desde o início do processo. Marconi Perillo foi procurado por gente do Palácio Planalto para reverter alguns votos, mas avisou que não iria se movimentar neste sentido.

Na verdade, por ser governador, o tucano-chefe se mantém afastado das articulações, por entender que seu foco deve ser a administração, evitando que essa polarização contamine o ambiente político em Goiás. Faz bem. Age com equilíbrio e ponderação, como um estadista, sem querer jogar para a arquibancada.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.