Joaquim Barbosa admite disputar a Presidência da República. Possível adversário de Lula e Alckmin

Vários partidos querem bancar o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal

joaquim barbosa Nelson Jr-SCO-STF

Futuro candidato? Ex-ministro Joaquim Barbosa diz que pode entrar no páreo | Foto: Nelson Jr. / STF

Na quarta-feira, 20, numa palestra da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais (Ambima), o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa discutiu ética nos negócios. Em tempo de Operação Lava Jato e CPI do BNDES, nada mais oportuno. Lauro Jardim, da revista “Veja”, conta que, quando seu nome foi anunciado, o ex-ministro foi muito aplaudido. Mas o must mesmo foi a pergunta da plateia se poderá disputar a Presidência da República em 2018. Ele sempre é reticente, mas desta vez avançou um passo: “Tornar-se um presidente seria a honra suprema, mas acho que antes preciso ter essa vontade. Até agora não tive. Isso não quer dizer que daqui a alguns anos eu não possa vir a ter”.

Vários partidos querem lançar Joaquim Barbosa para presidente. Se ele disser: “Quero ser candidato”, no dia seguinte aparecem presidentes de pelo menos 10 partidos oferecendo-lhe legenda. Ele só não disputaria, possivelmente, pelo PT (motivos óbvios) e PSDS (já tem dois pré-candidatos).

Se candidato, Joaquim Barbosa provavelmente enfrentará Lula da Silva e Geraldo Alckmin (cogita-se que Aécio Neves vai tentar recuperar o governo de Minas Gerais para o PSDB).

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Welbi Maia Brito

Acho muito cedo para discutir a sucessão presidencial de 2018. De qualquer forma, se Alckmin for candidato, votarei nele, como sempre.