Daqui a dois meses, em 6 de março, começa a janela das trocas partidárias. Quem quiser ser candidato, em 6 de outubro, daqui a nove meses, terá de se filiar até 6 de abril, quando a janela das mudanças de partidos será fechada.

Em Goiânia é praticamente certo que ao menos oito vereadores vão mudar de partido. Aliás, vários já trocaram (a fusão do PRTB com o Solidariedade possibilitou isto). O presidente do Solidariedade, Denes Pereira, conquistou o passe dos vereadores Gabriela Rodart, Igor Franco, Joãozinho Guimarães e Leandro Sena. Mais quatro parlamentares devem se tornar “solidaristas”.

Há outras mudanças de partido projetadas, e não apenas na Câmara Municipal de Goiânia. (E.F.B.)