“Em 2014, ao demorar a se lançar candidato a governador, Iris Rezende contribuiu para gerar arestas com outros postulantes do PMDB”, afirma o ex-deputado Ivan Ornelas. “Agora, como vai disputar a Prefeitura de Goiânia, Iris precisa definir-se o mais rápido possível. Ele, aliás, já deveria ter assumido a candidatura.”

Ornelas avalia que, se não se lançar logo, Iris contribui para desgastar o partido. “Há a possibilidade de outros se lançarem, gerando conflitos.”

Curiosamente, contrariando o discurso tradicional do peemedebismo, Ornelas sublinha que Iris não perdeu em 2014 por falta de dinheiro. “Faltou uma campanha consistente e, também, faltou organização planejada na campanha. Falar em dinheiro é esconder os problemas reais.”