Inoperância de Cammarota irrita entorno do prefeito Rogério Cruz, e secretário pode ser substituído

O auxiliar foi convidado para o cargo por ser considerado um técnico qualificado e detentor de grande rede contatos, mas tem sido alvo de críticas de colegas

O núcleo político do prefeito Rogério Cruz (Republicanos) vem manifestando, nos bastidores, grande insatisfação com o titular da Secretaria de Prioridades Estratégicas, Fábio Cammarota. A pasta foi criada para atuar diretamente na formulação e captação de recursos para grandes projetos, mas se reduziu, na avaliação de auxiliares do prefeito, em mera “emissora de diplomas de reconhecimento para colegas que acabaram de assumir cargos na administração”.

Cammarota foi convidado para o cargo por ser considerado um técnico qualificado, detentor de grande rede contatos e influência em Brasília e no eixo Rio-São Paulo. Mas, na avaliação de colegas, ele se acomodou e está apegado demais à liturgia do cargo. “Goiânia precisa de resultados, não de certificados”, afirma um secretário municipal, retratando o humor reinante no quinto andar do Paço Municipal, onde ficam tanto os gabinetes de Cruz quanto do secretário que está na mira da navalha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.