Sem Leandro Vilela no páreo, o prefeito de Jataí, Humberto Machado (PMDB), bem-sucedido como gestor, desesperou-se. Não tem outro nome, mas costuma dizer que elege até uma pedra ou, quem sabe, um poste.

Os dois postulantes do PSDB, empresário Victor Priori e o vereador Vinicius, exultaram com a desistência de Leandro Vilela. Agora, admitem, todos são “japoneses” em Jataí. Priori é mais candidato do que nunca. Mas Vinicius Luz também está colocando seu nome, e como símbolo da renovação.