Henrique Meirelles percebeu que não tem time para participar do jogo presidencial

Reprodução

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, pôs o bloco na rua, mas, ao perceber que estava desfilando sozinho, decidiu escapar do sambódromo da política.

Consta que estaria magoado com o presidente Michel Temer, que, como planeja disputar a reeleição, não deu nenhum sinal positivo de que poderia apoiá-lo. Só Romero Jucá decidiu bancar o engenheiro goiano. Mas, quando se tem um aliado como o lavajatizado Romero Jucá, não se precisa de adversários e inimigos.

Resultado: Henrique Meirelles deve ficar no governo até o fim. Depois, deve trabalhar como consultor financeiro.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.