O resultado da eleição para deputado estadual em Trindade, na disputa de 2022, sinaliza para uma prévia do que pode ocorrer na eleição para prefeito do município em 2024.

O mais votado para deputado estadual — repita-se: em Trindade — foi Cristiano Galindo, do Solidariedade, que obteve 13.130 (20,56%).

Flávia e George Morais: fortalecidos | Foto: Reprodução/Facebook

Cristiano Galindo foi o candidato apoiado pelo prefeito Marden Júnior, do Patriota. Sua votação, quase 21% dos votos válidos, mostra a força do gestor municipal.

O segundo mais votado foi o ex-prefeito George Morais, do PDT. Marido da deputada Flávia Morais, do PDT, George Morais ficou em segundo lugar, com 6.809 (10,66%) — bem atrás de Cristiano Galindo, porém indicando relativa força (tipo: “Estou vivo”).

Tanto Cristiano Galindo quanto George Morais foram eleitos para a Assembleia Legislativa.

Dr. Antônio de Moraes: o deputado perdeu força político-eleitoral | Foto: Divulgação

O deputado estadual Dr. Antônio, do União Brasil, ficou em terceiro lugar, com 5.395 votos (8,45%), e não foi reeleito.

Há, portanto, três pré-candidatos a prefeito de Trindade. Marden Júnior, que faz uma administração arrojada e moderna, é o favorito. E, ao eleger Cristiano Galindo, mostrou força político-eleitoral. Portanto, pode-se sugerir que largou na frente.

O grupo da família Morais ganhou força porque reelegeu Flávia Morais e elegeu George Morais. Já Dr. Antônio vai mais fraco para o pleito e pode acabar aceitando a vice de George Morais.

Há um problema: os três pré-candidatos pertencem à base do governador Ronaldo Caiado, do União Brasil. Qual dos três vai sobrar? Marden Júnior, até por já ser prefeito, irá para a disputa, como candidato natural. O grupo Morais, fortalecido por duas vitórias, também tende a lançar candidato. A tendência é que Dr. Antônio fique fora do pleito.