Gleisi Hoffmann sugere que Jilmar Tatto está definido para prefeito de São Paulo

É um recado de Lula da Silva, do qual a deputada é porta-voz, de que Fernando Haddad, mesmo se recuar, não será candidato a prefeito da maior cidade do Brasil

Gilmar Tatto: pré-candidato do PT a prefeito da cidade de São Paulo | Foto: Reprodução

A porta-voz de Lula da Silva e do PT, a deputada federal Gleisi Hoffmann, reafirma ao jornal “O Globo” (a coluna de Lauro Jardim erroneamente a apresenta como senadora) que o candidato do petismo a prefeito de São Paulo será Jilmar Tatto.

Mesmo que recue, e tente ser candidato, o ex-prefeito Fernando Haddad está “vetado”. Ao ex-ministro resta disputar o governo de São Paulo ou a Presidência da República em 2022.

Gleisi Hoffmann e Lula da Silva: Fernando Haddad está fora da disputa em São Paulo

Para presidente, Lula da Silva estaria articulando, entre outros, o nome do governador do Maranhão, Flávio Dino, hoje filiado ao PC do B.  Há quem aposte que, na verdade, o petista-chefe está apenas dando um recado: não quer na disputa Rui Costa, governador da Bahia, nem Fernando Haddad. Expert em política, o ex-presidente sabe que, contra um direitista radical como o presidente Jair Bolsonaro, lançar um candidato comunista é o mesmo que pedir mais uma derrota. Talvez até acachapante.

Lula da Silva certamente não pode disputar a Presidência. Mas é tudo o que almeja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.