Sete governadores e líderes do setor produtivo, como José Alves (Refrigerantes Imperial e Alfa), participaram do Fórum do Brasil Central. O presidente do BNDES, Luciano Coutinho, foi a presença mais relevante.

Com os governadores com pires nas mãos, o BNDES é uma solução em termos de créditos e financiamentos. A presença de Luciano Coutinho em Goiânia indica a força do tucano-chefe Marconi Perillo.

José Alves defendeu a redução da taxa de juros. Porque, sob recessão, manter os juros é contribuir para ampliar a crise.