Fabiana Pulcineli “humaniza” Caiado porque quer ser secretária de Comunicação?

Há quem postule que a repórter de O Popular, se o candidato do DEM for eleito, será sua assessora de imprensa

Senador Ronaldo Caiado com Sofia, filha de Weslei Garcia, do PSOL | Foto: Weimer Carvalho

A repórter Fabiana Pulcineli, de “O Popular”, postou no Facebook uma fotografia do candidato a governador pelo DEM, Ronaldo Caiado, sendo beijado por Sofia, a filha de Weslei Garcia, candidato a governador pelo PSOL.

Ao exibir a imagem de um político de direita beijando a filha de um candidato de esquerda — sugerindo que seria um político tolerante —, mas sem mostrar fotografias humanizadoras de outros candidatos, Fabiana Pulcineli estaria fazendo jornalismo, comportando-se como militante caiadista ou sugerindo que é amiga do presidente do partido Democratas?

Há quem postule duas coisas. Primeira: Ronaldo Caiado, se eleito, pode nomear Fabiana Pulcineli para secretária de Comunicação ou, mais provável, para sua assessoria de imprensa. Segunda: a repórter, ao mostrar uma faceta mais, digamos, mais humana do senador — dada sua imagem de truculência (devido aos embates na Câmara dos Deputados e, em seguida, no Senado) —, pode estar se colocando para algum posto num provável governo de direita em Goiás.

Fabiana Pulcineli, jornalista competente de O Popular e da Rádio CBN | Foto: Facebook

O Grupo Jaime Câmara está vendendo a TV Anhanguera para o Grupo Zahran. A empresa de Mato Grosso inicialmente recusara-se a aceitar o jornal “O Popular”, mas, segundo um partícipe do negócio, vai acabar aceitando. Mas, para reduzir custos, irá priorizar a internet e, portanto, promoverá um enxugamento — tido como brutal — na redação. Vários jornalistas serão demitidos. Os que ganham mais, como Fabiana Pulcineli, seriam os primeiros atingidos pelo passaralho. Portanto, ao se aproximar de Ronaldo Caiado — mais uma hipótese do que uma tese, frise-se —, estaria agindo de modo racional.

Fala-se também que o grupo de Ronaldo Caiado — se este for eleito, insista-se — pretende criar um jornal e que Fabiana Pulcineli seria escolhida para o cargo de editora. Um dos objetivos seria vasculhar as contas dos governos Marconi Perillo-José Eliton, ambos tucanos.

Tudo o que se disse acima — mais especulação (porque os fatos estão em construção) — desabona Fabiana Pulcineli? Não. Porque se trata de uma profissional decente.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.