Evangélico pergunta se Ronaldo Caiado virou pastor da Assembleia de Deus

Evangélico diz que o senador, frequentador recente dos cultos evangélicos, já chegou como bispo

Luiz Carlos do Carmo (irmão do pastor Oídes José do Carmo), da Assembleia de Deus, é suplente do senador Ronaldo Caiado e quer assumir em Brasília

A Igreja Católica acreditava que Ronaldo Caiado era católico e está surpresa com a recente militância evangélica do senador. Um padre é peremptório: “Virar evangélico por causa de uma finalidade eleitoral é muito grave. Trata-se de um desrespeito à religião”.

Durante o carnaval, Ronaldo Caiado compareceu aos atos da Assembleia de Deus. Quem viu chegou a perguntar ao pastor Oídes José do Carmo, respeitado líder da Assembleia de Deus, se Caiado virou pastor da Assembleia de Deus. Um evangélico, bem-humorado, respondeu: “Não, ele já chegou como bispo”.

Evangélicos estão criticando tanto Ronaldo Caiado quanto a Assembleia de Deus, que está transformando seus templos em escritórios políticos do senador. “Pega mal”, afirma um dos mais respeitados líderes evangélicos em Goiás. Ele prefere o anonimato para não se “queimar” junto ao establishment evangélico. “A Assembleia de Deus é muito poderosa”, admite.

Outra crítica dos evangélicos é ao radicalismo de Ronaldo Caiado. “Sua capacidade destrutiva não combina com a pregação construtiva das igrejas evangélicas”, afirma um pastor quase lendário em Goiânia.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Cristina Kott

O Senador Caiado é Católico e muito querido na Igreja Evangélica. Recebeu muitos convites e fez o possível para cumprir alguns no período do carnaval. Foi muito bem recebido!

Jorge Fernandes

Caiado é o que convêm para se eleger, politico de carreira, só esquentou caideira como deputado e late igual cão raivoso de tempos em tempos para aparecer e se reeleger.