10382173_10202155198561267_2193927580130328904_nO empresário e deputado estadual Victor Priori, do PSDB, tem muito dinheiro. O que ele não tem é voto. Dono de vários negócios em Jataí, perdeu quatro eleições — duas para deputado e duas para prefeito. Gasta sempre uma fortuna, mas não se elege. O motivo? Falta de contato real com as pessoas de carne e osso do próspero município e a ideia de que dinheiro compra “tudo”.

Mesmo com certa discrição, e sugerindo que depende de uma conversa com o governador Marconi Perillo, Victor Priori quer disputar a Prefeitura de Jataí contra o popularíssimo Leandro Vilela, que, nos últimos anos, atuou como uma espécie de prefeito informal do município, atraindo fartos recursos do governo federal para a gestão do prefeito Humberto Machado. Não será fácil derrotá-lo, exceto se o PSDB investir num político novo, como Vinicius Luz, que, se não tem dinheiro, tem votos.

Se Victor Priori e Marconi Perillo bancarem Vinicius Luz, financeiramente e com um marketing eleitoral eficiente, ele tem condições de enfrentar seu amigo Leandro Vilela, e até com chance de derrotá-lo.

Uma curiosidade: Vinicius Luz e Leandro Vilela têm 39 anos, estudaram juntos e são amigos. Porém, politicamente, são adversários renhidos.