Deputados admitem que têm medo de apanhar do Major Araújo

Chiquinho Oliveira treme quando o militar-deputado chega perto

Chiquinho francisco-oliveira

Ao menos dois deputados estaduais admitem que têm medo de apanhar do Major Araújo.

Consta que o deputado Chiquinho de Oliveira, do PHS, treme só de ouvir a voz do parlamentar-militar. Às vezes, precisa ser “amparado” pelos colegas José Vitti, Jean Carlo, Talles Barreto e Santana Gomes. Talles Barreto, por sinal, já foi agredido pelo parlamentar, mas não o teme fisicamente.

Vale ressaltar que a Assembleia Legislativa não é ringue nem octógono. Os deputados estão lá não para brigar fisicamente, e sim para defender os interesses da sociedade. Podem discutir até com aspereza, mas partir para as vias de fato não leva a nada. Pelo contrário, só prejudica a imagem de um poder, o Legislativo, que já está bem desgastado.

O deputado Major Araújo está mesmo extrapolando. Ressalve-se, porém, que tem direito de expor suas críticas, contundentes ou não. Não tem direito é de agredir aqueles que criticam suas ideias e não absorvem suas críticas. É preciso vencer não pela força física, e sim pela força das ideias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.