Ex-deputada faz reuniões temáticas para engajar militância em torno de seu nome e torce para que concorrentes se multipliquem no campo oposto

Ex-deputada Denise Carvalho: animada para disputar uma vaga no Senado Federal | Foto: Fernando Leite / Jornal Opção

Ainda que a federação que seu partido integra – ela é militante histórica do PCdoB, hoje com destino ligado por lei ao PT e ao PV pelos próximos quatro anos – não tenha fechado questão na negociação para as eleições de outubro, a ex-deputada Denise Carvalho já começa a trabalhar mais forte por sua pré-candidatura ao Senado.

Desde 2011, após deixou a Secretaria de Políticas para as Mulheres e Igualdade Racial de Goiás (Semira), Denise foi candidata a vice-prefeita na chapa “puro sangue” do PCdoB em 2012 e também candidata a vereadora em 2016. Agora, depois de dar um tempo da política, cuidar da saúde e se revigorar, ela mostra muita disposição para a dificílima disputa deste ano para o Senado.

Optando por reuniões temáticas, na quinta-feira, 23, ela realizou uma roda de conversa com ambientalistas, em modo virtual, com participação de cerca de 40 pessoas, aprofundando temas como desmatamento, extração ilegal de madeira, proteção aos territórios indígenas, grilagem de terras na Amazônia, energias renováveis e produção agroecológica. Antes, já havia abordado os direitos das mulheres em encontro presencial ocorrido em um hotel da capital, com 60 participantes.

Para a ex-líder do movimento estudantil em Goiás nos anos 80 e importante parlamentar de Goiânia (como vereadora de 1989 a 1991) e de Goiás (deputada estadual de 1991 a 2003), sua chance de êxito está em concentrar votos dos segmentos progressistas, de esquerda e centro-esquerda, apostando na divisão de votos entre os vários candidatos que os partidos de direita deverão apresentar.

No momento, a maior “ameaça” à postulação é uma aliança entre PT-PCdoB-PV e o PSB para fortalecer o palanque do ex-presidente Lula em Goiás, o que ainda não foi descartado – isso porque o acordo obrigatoriamente “sacrificaria” postos na chapa majoritária.

Noves fora decisões que não dependem apenas de si, Denise se concentra em fortalecer seu nome e prepara o lançamento oficial de sua pré-campanha para as próximas semanas.