Daniel Vilela não vai desistir da disputa para governador, dizem emedebistas

O emedebista também não vai apoiar candidatura de Ronaldo Caiado

Arquivo

Emedebistas próximos do candidato do MDB a governador de Goiás, Daniel Vilela, detectaram que a história de que ele pode desistir da disputa do governo do Estado está sendo espalhada por aliados do pré-candidato do DEM a governador, Ronaldo Caiado. Segundo o levantamento, o deputado estadual José Nelto, do Podemos, seria um dos porta-vozes de tal “discurso”. A outra central de boatos estaria sendo orquestrada a partir de Catalão. Um político de lá, sempre que encontra alguém do MDB de outra cidade, costuma dizer: “Daniel não resiste até agosto”. No início deste mês, terminam as convenções partidárias.

O Jornal Opção ouviu emedebistas, como Paulo Cezar Martins, deputado estadual mais bem votado do partido na eleição de 2014, e o ex-senador Mauro Miranda. Nenhum deles admite desistência.

“Daniel está animado e dialogando com as lideranças partidárias e com segmentos organizados da sociedade, em suas várias esferas. Ele está se tornando mais conhecido e as pessoas apreciam suas ideias e projetos para modernizar Goiás. A militância está empolgada com o fato de que o partido finalmente lançou alguém mais jovem, um elemento da renovação”, afirma Paulo Cezar Martins. “Como alguém pode desistir antes do início da campanha?”

O ex-senador Mauro Miranda, que vai participar ativamente da campanha de Daniel Vilela, afirma que a candidatura de Daniel Vilela “é pra valer”. “Nós temos condições de ganhar, pois representamos o novo e um projeto diferente de desenvolvimento.” Ele pode desistir? “Não há nenhum motivo. Vale sublinhar que a campanha nem começou.”

Deixe um comentário