Ciro Nogueira quase retirou José Eliton do comando do PP de Goiás. Tudo a ver com Dilma Rousseff

O vice-governador José Eliton quase perdeu recentemente a presidência do PP em Goiás. O presidente do PP nacional, Ciro Nogueira, contou que bancou Eliton na presidência do partido em Goiás e, em seguida, trabalhou para que continuasse como vice do governador Marconi Perillo na campanha eleitoral deste ano.

Porém, quando foi votar na convenção do PP em Brasília, no lugar de seguir a posição de Nogueira, que era e é de apoio à reeleição da presidente Dilma Rousseff, Eliton bancou a tese da neutralidade do partido. O presidente nacional do PP estrilou.

Segundo um repórter de Brasília, não fosse a interferência do deputado federal Sandes Júnior (PP), que explicou pacientemente a Nogueira a contingência local — Eliton é vice do governador Marconi Perillo (PSDB), que apoia Aécio Neves para presidente da República —, o PP de Goiás poderia ter sofrido intervenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.