Chapa de Ronaldo Caiado pode oferecer suplência para uma mulher

Foto: Divulgação

A chapa majoritária do candidato a governador de Goiás pelo DEM, Ronaldo Caiado, é mencionada pelas feministas como a “mais misógina” das eleições de 2018. É que a chapa recria o Clube do Bolinha, pois só tem homens: Caiado, para o governo; Lincoln Tejota, na vice; e, para o Senado, Wilder Morais (DEM) e Jorge Kajuru (PRP).

As mulheres foram excluídas da chapa de Ronaldo Caiado. Mas, para contentá-las — se isto é possível — a segunda suplência de Wilder Morais (DEM) deve ser oferecida para uma mulher, possivelmente filiada ao Partido da Mulher Brasileira (PMB), que se contenta em ser coadjuvante. A primeira suplência, lógico, deve ser oferecida para um homem.

Vicente Datena é cotado para a suplência de Jorge Kajuru. Mais um homem.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.