Chapa de José Eliton conta com três mulheres e seus adversários são excludentes

Lúcia Vânia, Raquel Teixeira e Aleandra estão na aliança PSDB-PSB-PTB. Chapas de Caiado e Daniel Vilela excluem as mulheres

As chapas majoritárias dos candidatos do DEM, Ronaldo Caiado, e do MDB, Daniel Vilela, são consideradas “misóginas”, porque excluíram as mulheres.

Lúcia Vânia (PSB) é candidata a senadora

Ronaldo Caiado (governo), Lincoln Tejota (Pros), Jorge Kajuru (PRP) e Wilder Morais (DEM) integram a chapa “Clube do Bolinha”. Não há espaço para mulheres.

Daniel Vilela (MDB), Heuler Cruvinel (PP), Vanderlan Cardoso (PP) e Agenor Mariano (MDB) são da outra chapa “Clube do Bolinha”. Não há espaço para mulheres.

Raquel Teixeira (PSDB) é candidata a vice-governadora | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

A chapa de José Eliton (PSDB) é apontada como “democrática” e, de fato, moderna porque inclui três mulheres: Lúcia Vânia (PSB) para senadora, Raquel Teixeira (PSDB) na vice e Aleandra Sousa (PTB) como suplente de Marconi Perillo.

Aleandra Sousa (PTB) é suplente de Marconi Perillo

Lúcia Vânia é senadora. Raquel Teixeira foi deputada federal por dois mandatos e foi secretária da Educação. Aleandra Sousa, primeira-dama de Águas Lindas, é uma jovem e carismática política do Entorno de Brasília.

O PT avançou e lançou uma mulher, Kátia Maria, para governadora.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.