Bolsonaro de Goiás, Delegado Waldir espera votação gigante

| Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

O deputado Delegado Waldir Soares, do PSL, decidiu não entrar para o chapão do DEM, Podemos e PDT.

Como obteve 274 mil votos na eleição de 2014, Waldir Soares possivelmente acredita que será eleito com outra votação extraordinária. É provável que tenha razão. Repetir a votação de 2014 parece uma missão impossível. Mas o fato de ter colado em Jair Bolsonaro, hoje o mais popular dos candidatos a presidente da República, pode lhe render votos.

Entretanto, se Bolsonaro desidratar durante a campanha, Waldir Soares pode cair? É difícil. Porque ele tem uma história, é popular e, por isso, não depende do candidato a presidente.

Aliados de Waldir Soares apostam numa grande votação, e isto é mesmo possível, dada sua popularidade, que não é circunscrita às redes sociais. Nas ruas, há quem o chame de “Bolsonaro de Goiás”.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Paulo Meirelles

Olha lá se vai ser eleito hein….

ziro

foi decepcionante, chega né? Único feito no congresso nacional foi a soltura dos hamsters.