Apesar de ter reforçado agenda em Goiás, Tarcísio de Freitas não será candidato pelo Estado

Ministro deve seguir o presidente, se filiando ao PL, e ser o candidato de Bolsonaro ao governo de São Paulo

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, já chegou a confirmar que seria candidato ao Senado por Goiás. Mas os planos mudaram. Ele agora será o nome do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na disputa pelo governo de São Paulo.

Inicialmente as negociações eram para que Tarcísio de Freitas se filiasse ao partido Republicanos. Mas coma ida de Bolsonado para o PL e toda a negociação que a filiação envolveu junto a Valdemar da Costa Neto, ficou decidido que o ministro disputará governo paulista.

A primeira vista era clara a intensão de Tarcísio em estabelecer uma relação com Goiás. Só esse ano, foram seis viagens ao estado de Goiás, para fins diversos: desde palestras a entregas de obras com apoio do Governo Federal. Em maio deste ano, Tarcísio já tinha sinalizado a pretensão de ser candidato ao Senado por Goiás.

Com as mudanças nos planos, o ministro pode se ausentar do Centro-Oeste, e reforçar sua agenda em São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.