Adib Elias mostrou força política ao levar parte do MDB para Ronaldo Caiado

Se o prefeito de Catalão, o candidato do DEM não teria nenhuma estrutura política no interior

Adib Elias, prefeito de Catalão pelo PMDB | Foto: Y. Maeda

Falem mal ou bem, mas o prefeito de Catalão, Adib Elias, tem mesmo certa liderança. Não fosse por sua ação, firme e direta, parte do MDB não teria caminhado para apoiar a candidatura de Ronaldo Caiado a governador de Goiás — dando-lhe a estrutura que o partido Democratas não pode oferecer ao seu líder.

Dada sua energia costumeira — e até à sua fama de encrenqueiro —, Adib Elias contribuiu para retirar os prefeitos de Formosa, Ernesto Roller (primo de Ronaldo Caiado), de Rio Verde, Paulo do Vale, e de Goianésia, Renato de Castro, dos braços do candidato do MDB a governador, deputado federal Daniel Vilela.

Na verdade, os prefeitos já tinham simpatia por Ronaldo Caiado, dada sua expectativa de poder. Mas, sem a energia de Adib Elias, possivelmente não teriam acompanhado o senador. Dariam um apoio mais tímido. Com o prefeito de Catalão no jogo, passaram a dar apoio explícito, sem tergiversação.

No caso de vitória de Ronaldo Caiado, Adib Elias poderá escolher qual secretaria vai ocupar. Pode ser a da Saúde, por ser médico, mas também pode ser a de Segurança Pública e até a Secretaria da Fazenda. José Nelto prefere a Secretaria de Comunicação.

Deixe um comentário