O Jornal Opção apurou que a chapa para eleição antecipada da mesa diretora para o biênio 2025-2026 da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) está definida. A maior novidade será a presença de duas mulheres na Mesa. Eleição deve ocorrer na próxima terça-feira, 16.

Na segunda quinzena de abril, a Alego aprovou projeto de resolução para antecipar eleição da mesa diretora para o biênio 2025-2026. O texto foi incluído em matéria que tratava sobre possibilidade de reeleição.

Confira a nova chapa na íntegra a seguir:

Presidente- Bruno Peixoto (UB)

Vice-presidente – Issy Quinan (MDB)

Segundo vice-presidente – Clécio Alves (Republicanos)

Terceiro vice-presidente- Bia de Lima (PT)

Presidente Corregedor- Júlio Pina (Solidariedade)

Vice- corregedor- Lineu Olímpio (MDB)

1º secretário- Coronel Adailton (Solidariedade)

2° secretário- Wilde Cambão (PSD)

3 º secretário – Amauri Ribeiro (UB)

4º secretário – Cairo Salim (PSD)

5ª secretária- Vívian Naves (PP)

Permanecem: atual presidente da Casa, Bruno Peixoto (União Brasil), Amauri Ribeiro (UB), Cairo Salim (UB) e Júlio Pina (Solidariedade). Deputados emedebistas e petistas alternam nomes da mesma legenda: Charles Bento (MDB) por Issy Quinan (MDB), Lucas do Vale (MDB) por Lineu Olímpio (MDB) e Antônio Gomide (PT) por Bia de Lima (PT).

Entrarão: Wilde Cambão (PSD), Coronel Adailton (Solidariedade) e Vivian Naves (PP).

A mesa atual:

Presidente: Bruno Peixoto (União Brasil)

1º vice-presidente: Charles Bento (MDB)

2º vice-presidente: Clécio Alves (Republicanos)

3º vice-presidente: Antônio Gomide (PT)

1º vice-presidente corregedor: Cairo Salim (PSD)

2º vice-presidente corregedor: Lucas do Vale (MDB)

1º secretário: Virmondes Cruvinel (União Brasil)

2º secretário: Júlio Pina (Solidariedade)

3º secretário: Amauri Ribeiro (União Brasil)

4º secretário: Gugu Nader (Agir)