Após pressão das Forças Armadas, Evo Morales renuncia à presidência da Bolívia

“Dói muito que nos tenham levado ao enfrentamento”, declarou o presidente em pronunciamento na TV