Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

TJDFT torna Rollemberg e secretária de Planejamento réus por improbidade

Rodrigo Rollemberg e a secretária Leany Lemos | Foto: Gabriel Jabur/ Agência Brasília

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) tornou o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) e a secretária de Planejamento, Gestão e Orçamento, Leany Lemos réus por improbidade administrativa na gestão de cargos do Instituto de Defesa do Consumidor (Procon).

Segundo a ação movida pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), servidores concursados deixaram de ser nomeados para cargos ocupados por funcionários sem vínculo com a administração em cargos comissionados. Para o juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública, não há provas que afastem a conclusão de que “não houve ato ímprobo”, mesmo com a alegação da defesa de que “não há justa causa” na ação do MPDFT.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.