Marquinhos Marques

Rollemberg, o anfitrião descortês

Rollemberg discursa durante o evento | Foto: André Borges/ Agência Brasília

Pegou mal a postura do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB), no workshop organizado pela Associação dos Municípios Adjacentes a Brasília (Amab) em parceria com a Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), para discutir o tema “Desenvolvimento da Área Metropolitana de Brasília (AMB)”.

Rollemberg abriu a audiência, falou o que quis e saiu, deixando todos os prefeitos reunidos no encontro falando sozinhos. O gesto foi visto como uma grande falta de respeito para com os líderes políticos da região do Entorno, que sofrem com problemas estruturais graves, mas que poderiam ser resolvidos em conjunto com o GDF.

As críticas de quase todos os prefeitos foram direcionadas a forma superficial que o Governo do Distrito Federal enfrenta a problemática da região. Só conversa e nada de ação.

Uma resposta para “Rollemberg, o anfitrião descortês”

  1. Que grosseria! A civilidade vai-se esfacelando em todas as esferas do relacionamento abaixo do Equador. Sinal de decadência moral, a política logo a repercute; como no caso da corrupção dos atos, que não é senão extensão dos males da(s) alma(s).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.