Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

Possível delação de Gim Argello tira o sono de caciques do DF

Foto: Pedro França/Agência Senado

O ex-senador Gim Argello (PTB-DF), que foi o maior contribuinte da coligação União e Força (PTB / PR / DEM / PRTB / PMN) nas eleições de 2014, preocupa a caciques candango.

Nos bastidores da política do DF existe um certo desconforto em determinadas figuras locais que tem sofrido de insônia. Isso porque o ex-senador estaria negociando uma delação premiada para diminuir o seu tempo de prisão. Ele foi condenado em outubro do ano passado a 19 anos de reclusão pelos crimes de corrupção, de lavagem de dinheiro e de obstrução à investigação, preso na Operação Vitória de Pirro, um dos desdobramentos da Lava Jato.

Gim teria contribuído com vários candidatos a deputado federal, distrital, senador e ao governo do DF via caixa 2 na eleição de 2014. Agora fica a pergunta, será que esta delação vai entregar os nomes de todos os que foram beneficiados pelos recursos ilegais?

É importante frisar que a coligação que pode ter sido beneficiada com recursos de propina, elegeu vários deputados tanto distritais como federais, o medo é que estes nomes venham à tona, jogando por terra qualquer aspiração nas eleições 2018. Quem viver verá!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.