Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

Polícia do DF faz operação contra venda de carteiras de motorista

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou uma operação que investiga a venda de carteira de motorista sem prova ou exames. A ação acontece ainda em Minas Gerais, Goiás e no Pará. São suspeitos de participar do esquema clínicas e autoescolas credenciadas pelo Detran, além de servidores do órgão.

Os agentes cumprem dez mandados, entre eles de prisão, condução coercitiva e busca e apreensão. No Distrito Federal, o custo para tirar uma carteira de motorista sem precisar passar por provas ou exames é, em média, de R$ 1,3 mil – incluindo clínica médica, biometria e simulador. Há ainda um custo separado para as autoescolas.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.