Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

Deputado Bispo Renato é investigado por lavagem de dinheiro

Depois da abertura de investigação contra a deputada Celina Leão (PPS) por suposto vazamento de informações da Defensoria Pública do DF, outro réu da Operação Drácon vira alvo de inquérito aberto pela Delegacia de Combate aos Crimes contra a Administração Pública (Decap) a pedido da Procuradoria-geral de Justiça do DF.

Desde 22 de setembro, o deputado Bispo Renato (PR) é investigado por indícios de participação em crime de lavagem de dinheiro e ocultação de capitais. A suspeita teve início quando a Delegacia de Combate a Roubos e Furtos (DRF) prendeu cinco ladrões em flagrante durante roubo à casa de um assessor do deputado, Márcio Xavier do Nascimento. Eles foram impedidos pelos policiais de concluir o assalto e, ao prestarem depoimento, contaram que pretendiam roubar R$ 200 mil em espécie.

O dinheiro seria proveniente de suposta propina do deputado Bispo Renato. Eles disseram que a informação chegou aos criminosos por intermédio de um motorista do distrital, Eriquisson Cláudio da Silva Soares. Com medo de operações como a Lava-Jato, com busca e apreensão, o distrital teria escondido o dinheiro na casa do assessor.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.