Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

Delegado assume inteligência da SSP do DF

Divulgação

O delegado Anderson Jorge Damasceno Espíndola, da Polícia Civil do Distrito Federal, vai assumir a Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública e Paz Social. Ele deixa, assim, o cargo de Subsecretário do Sistema Penitenciário (Sesipe) ao qual foi nomeado em fevereiro de 2016, com a crise provocada pela fuga de 10 presos perigosos de ala de segurança máxima em PDF1, na Papuda.

Antes disso, Espíndola era o número dois na direção-geral da Polícia Civil. Na Sesipe, Anderson Espíndola será substituído por outro integrante da carreira da Polícia Civil do DF: o delegado aposentado Osmar Mendonça de Souza.

São as primeiras mudanças definidas pelo governador Rodrigo Rollemberg (PSB) com o novo secretário de Segurança, o delegado da Polícia Federal Edval Novaes. Com a nomeação de Anderson Espíndola, a Subsecretaria de Inteligência volta a ser comandada por um delegado da Polícia Civil.

Na pasta, Márcia de Alencar desfez uma tradição e nomeou para a inteligência o delegado da PF Elmiz Júnior. Desde a morte de Elmiz, em fevereiro, o cargo vem sendo exercido interinamente pelo também delegado da Polícia Civil Wenderson Souza e Teles.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.