Marquinhos Marques
Marquinhos Marques

Câmara Legislativa adia votação sobre Instituto Hospital de Base

Reprodução

Após debates acalorados, além de sequenciais suspensões da sessão, os distritais adiaram, na quarta-feira (14/6), a votação do projeto de lei que cria o Instituto Hospital de Base (HBDF). O tema deve ser retomado terça-feira (20/6). O governo contabiliza, até agora, o apoio à proposição por parte de, ao menos, 13 parlamentares.

Houve a postergação porque os deputados não entraram em consenso sobre o acordo firmado na última reunião de líderes. Em contrapartida, governistas alegaram que apenas a votação em segundo turno seria realizada no dia(20/06). Para começar a valer, a medida tem de ser aprovada por maioria simples e, posteriormente, publicada no Diário Oficial do Distrito Federal.

Depois deste trâmite, na prática, as mudanças devem demorar alguns meses para entrar em vigor. Mesmo porque é necessário o cumprimento de diversas etapas discriminadas no projeto de lei, como a definição de um Conselho, a criação do respectivo estatuto, eleição de diretores, entre outros.

 

Deixe um comentário