Hélio Rocha
Hélio Rocha

Morreu Padre Lima, o jesuíta que foi amigo do escritor Graham Greene

Heber Salvador de Lima morou em Londres e se tornou interlocutor do britânico, autor de “O Poder e a Glória”

Padre Lima e Graham Green: amizade em Londres | Foto: Reprodução

O padre Heber Salvador de Lima morreu na quinta-feira, 10, aos 101 anos, em Belo Horizonte.

Jesuíta, veio para Goiânia, onde viveu por mais de 40 anos e lecionou na Faculdade de Filosofia, embrião da PUC Goiás. Fez também um grande trabalho na Paróquia Santa Genoveva, em bairro de mesmo nome, onde idealizou um colégio que ganhou seu nome – “Escola Padre Lima”.

Mas Padre Lima morou também um período em Londres. Lá, vivia em uma casa de padres jesuítas. O escritor inglês Graham Greene havia se convertido do catolicismo britânico para o catolicismo romano e se tornou amigo desses jesuítas.

Visitava-os pelo menos uma vez por semana. E assim padre Lima se tornaria amigo do grande autor.

Graham Greene, escritor britânico | Foto: Reprodução

Graham Greene escreveu quase 30 obras, entre as quais O Poder e a Glória (o mais celebrado), Nosso Homem em Havana, O  Cônsul Honorário e O  Americano Tranquilo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.