Hélio Rocha
Hélio Rocha

Miguel Torga, o Brasil e o amigo português que morou em Corumbá de Goiás

O jovem Adolfo Rocha, Miguel Torga, veio para o Brasil mas um tio devolveu-o a Portugal, pagando seus estudos. Ele tornou médico-otorrino e escritor

Miguel Torga, que morreu em 1995, aos 87 anos, foi um dos maiores escritores da Língua Portuguesa do século passado. Quando bem jovem, ele quase trocou seu país pelo Brasil.

Miguel Torga é pseudônimo. O nome real dele era Adolfo Correia da Rocha.

Miguel Torga, escritor português | Foto: Reprodução

Adolfo Rocha, nascido na região lusitana de Trás’Os Montes. Quando estava com 15 anos, Adolfo e seu amigo Manoel Ramos decidiram vir tentar a sorte no Brasil. Ele procurou em São Paulo um tio que conseguira se enriquecer no Brasil.

Mas o tio ofereceu uma ajuda diferente, custeando os estudos dele, mas de volta a Portugal. Assim fez Adolfo. Estudou a começar a escrever bastante, com o pseudônimo de Miguel Torga. Fez medicina na importante Universidade de Coimbra e, assim que se formou, especializado em otorrino, montou consultório em Coimbra mesmo, onde viveria o resto da vida.

Seu companheiro Manoel Ramos ficou no Brasil, começou a trabalhar como representante comercial de tecidos, conseguiu um pequeno capital e adquiriu uma loja em Corumbá de Goiás.

Quase um poema de amor

Miguel Torga

Há muito tempo já que não escrevo um poema

De amor.

E é o que eu sei fazer com mais delicadeza!

A nossa natureza

Lusitana

Tem essa humana

Graça

Feiticeira

De tornar de cristal

A mais sentimental

E baça

Bebedeira.

 

Mas ou seja que vou envelhecendo

E ninguém me deseje apaixonado,

Ou que a antiga paixão

Me mantenha calado

O coração

Num íntimo pudor,

— Há muito tempo já que não escrevo um poema

De amor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.