Hélio Rocha
Hélio Rocha

Juscelino Kubitschek tinha gosto pela música     

O político que fundou Brasília convidava o pianista Bené Nunes e a cantora lírica Maria Lúcia Godoy para brilharem nos palácios

O povo de Diamantina, Minas, onde nasceu Juscelino Kubitschek de Oliveira, gosta muito de música.

Isso deve ter influenciado o apreço que ele tinha pela arte musical.

Quando estava na Presidência da República, por exemplo, antes de Brasília, residia no Palácio Guanabara e despachava no Palácio do Catete. A convite dele, o grande pianista Bené Nunes (1920-1994) ia certas noites tocar no Guanabara.

Quando governador de Minas, estimulou muito a cantora lírica Maria Lúcia Godoy, a quem convidaria mais tarde, quando presidente, para se apresentar durante visita do presidente americano Eisenhower a Brasília.

Nada mais improvável, hoje em dia, do que supor um pianista tocando no Palácio da Alvorada, pois o atual presidente não dá a menor bola para a música e as artes em geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.