Do Leitor
Do Leitor

“Cara Vídeo, uma referência gigantesca para o cinema alternativo que ficará na memória”

Fechamento da tradicional locadora é lamentado por leitores

Fechamento da tradicional locadora é lamentado por leitores

DHIEGO ANDRADE

O fechamento da Cara Vídeo revela a marcha do tempo. Foi uma referência gigantesca para o cinema alternativo aqui em Goiânia, mas simplesmente não dá para competir com a facilidade e os preços da Netflix e dos torrents. Mas a Cara Vídeo ficará na memória de todos os cinéfilos de Goiânia.

“Um tesouro em minha vida”

LUCIANA VITORINO

Eu era tão fascinada nesse lugar que minha mãe me deixava e eu ficava em torno de duas horas lendo as sinopses dos filmes, levava uns cinco deles para assistir e depois ela me buscava. Era um dos meus passatempos preferidos. Obrigada, padre Sérgio Bernardoni [fundador da Cara Vídeo], por esse tesouro que foi em minha vida.

Luciana Vitorino é jornalista.

 

“Um lugar para todo tipo de material para estudantes”

NICE RODRIGUES SILVEIRA

É uma perda imensurável. A mais completa locadora. Lembro-me de seu começo, na Rua 90, em frente ao Colégio Maria Auxiliadora. Minha ficha era a de número 228. Nela encontrávamos os mais diversos gêneros, além de documentários. Era um lugar onde todo tipo de material disponível para estudantes era achado.

“Adriana Accorsi, para evitar mais do mesmo”

ALINY FRANK

Apoio a pré-candidata Adriana Accorsi. Acredito que entre as opções é a melhor para a cidade. Se não for ela, teremos mais do mesmo novamente. Já está na hora de uma mulher comandar a Prefeitura de Goiânia e as mulheres devem apoiá-la. Tomara que o partido perceba que é uma forte candidata e não se alie ao PMDB, deixando o Iris Resende decidir. Se caso não for escolhida pelo partido, Adriana deve lançar candidatura independente. [“Adriana Accorsi coloca bloco na rua para ser candidata do PT”, Jornal Opção Online]

E-mail: [email protected]

 

“É humilhante andar de ônibus em Goiânia”

BEATRIZ ALIPIO

Em relação à nota “Aumento da tarifa não trará benefícios ao transporte público, informa sindicato” (Jornal Opção Online), o que tenho a dizer é que se aumenta o valor, mas não há melhoria nenhuma. Isso é humilhante. As pessoas não têm segurança nos ônibus. Conforto nem vem ao caso, porque os ônibus de Goiânia mais parecem latas de sardinha e quase sempre, independentemente do dia da semana, ficamos quase uma hora no ponto. Isso para, quando o coletivo passar, estar cheio e não parar. E aí você ter de esperar mais ainda até o próximo ônibus. Humilhante mesmo.

E-mail: [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.