Frederico Vitor
Frederico Vitor

Candidatura de Carlos Antonio depende de “imagem”

Deputado Carlos Antonio: “Temos nomes para prefeito e para vice em Anápolis e são todos competitivos para 2016” | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

Deputado Carlos Antonio: “Temos nomes para prefeito e para vice em Anápolis e são todos competitivos para 2016” | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

A ideia de ser candidato a prefeito de Anápolis nas eleições municipais de 2016 não saiu dos planos do deputado estadual Carlos Antonio (SD). Apesar de ser aliado do prefeito João Gomes (PT) — que será candidato à reeleição —, o líder do Solidariedade anapolino calcula que tem chances de sair à disputa se sua imagem como parlamentar atuante e destacado for consolidada no imaginário do eleitorado.

Carlos Antonio já disse ao Jornal Opção que, em relação a 2016, o processo de sucessão em Anápolis passará pelo SD. O projeto do partido que, no município, é liderado pelo parlamentar e, em âmbito estadual, pelo ex-deputado federal Armando Vergílio, tem como missão em Anápolis se consolidar como uma das forças políticas de primeira grandeza, rivalizando com o PT de João Gomes e Antônio Gomide, e o PSDB de Alexandre Baldy.

Popularidade no rádio
Carlos Antonio é um radialista muito conhecido na cidade, o que lhe confere uma popularidade que já lhe garantiu mandato como vereador e por duas vezes como deputado estadual — reeleito em 2014 com 28.093 votos. Portanto, a máquina eleitoral que ele representa não vai passar despercebida nas eleições deste ano. Ele quer posição de destaque, seja como cabeça de chapa numa candidatura independente ou como vice de João Gomes.

Para tal, Carlos Antonio afirma que para este ano o objetivo do partido é formar uma chapa às eleições proporcionais com nomes consistentes. A missão é eleger o maior número possível de vereadores e superar o número de cadeiras na Câmara conquistada pelo partido em 2012, quando quatro do SD foram eleitos (perdeu um que trocou de partido).

Atualmente, os vereadores da sigla são Vespa, Amilton Filho e Mauro Severiano, além de quatro suplentes. O deputado projeta uma chapa diversificada, com nomes oriundos do sindicalismo e de demais segmentos sociais como igreja, associações e do funcionalismo público.

Capital político
Em relação à eleição majoritária o deputado faz suspense. No momento ele diz que quer capitalizar ainda mais politicamente seu desempenho positivo como parlamentar em 2015. No ano passado, por conta de sua destacada participação na Comissão da Criança e Adolescente, Carlos Antonio foi eleito o legislador do ano pelo Clube dos Repórteres Político.

Em relação às alianças, Carlos Antonio afirma que as conversações vão avançar depois do mês de abril. De acordo com ele, ainda é cedo para fazer conjurações, porém ele dá sinais que o SD tem como meta sentar à mesa de conversações de formação de aliança com trunfos na manga. “Temos nomes para prefeito e para vice, e são todos competitivos para 2016”, assegura.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Erick

Gomide deveria sair do PT para nao se queimar com o pior partido do Brasil!