A deputada federal Iris Araújo (PMDB) arranjou tantos culpados para sua derrota na eleição deste ano que, ao final, nem sabe mesmo quem é o culpado, ou culpada, verdadeiro.

É provável que, se consultasse um analista, freudiano ou outro, concluísse que só há um ou dois culpados pela derrota: a própria Iris Araújo e, quem sabe, Iris Rezende.