Tiago Henrique enfrenta novo júri na próxima segunda-feira (20)

Vigilante será julgado pelo homicídio de mais um morador de rua, Wesley Alves Guimarães, assassinado enquanto dormia em frente a loja no Jardim América

O vigilante Tiago Henrique vai enfrentar mais um júri popular na próxima segunda-feira (20/1), desta vez pela morte do morador de rua Wesley Alves Guimarães. Este será o 29º julgamento a que Tiago é submetido.

Wesley foi morto por Tiago no dia 3 de fevereiro de 2013, enquanto dormia sob a marquise de uma loja no Jardim América. Assim como Wesley, outros moradores de rua foram mortos por ele da mesma maneira.

Na última quarta-feira (15), Tiago recebeu sua maior pena até agora pelas mortes dos adolescentes Matheus Henrique Rodrigues e Karina dos Santos. Os dois tinham, respectivamente, 13 e 15 anos à época e foram assassinados em uma sanduicheria no Setor Leste Universitário. Como Matheus tinha menos de 14 anos, a pena nesse caso foi aumentada de acordo com o artigo 121 do Código penal.

Até agora, as condenações de Tiago somam 630 anos e 8 meses. Ele é suspeito de ser autor de mais de 30 homicídios mas, apesar disso, só cumprirá 30 anos, que é o limite da lei brasileira. O vigilante já foi considerado culpado por 24 homicídios (Com informações do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás).

Deixe um comentário

wpDiscuz